segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Apesar da guilhotina

Eu batia um papo com Lavoisier, enquanto tomávamos infinitas porções de sorvete de morango, quando ele falou, completamente filosófico: “Na natureza, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”. Então, entendi que sempre estive aqui e que sempre aqui estarei.


Warley Matias de Souza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário